DAEE detalha projeto do piscinão Jaboticabal aos Prefeitos do ABC Paulista


A apresentação ocorreu nesta terça-feira (1º), na Sede do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC





O Secretário Executivo de Infraestrutura e Meio Ambiente, Luiz Ricardo Santoro, e representantes do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), Celso Aoki e Antônio Correa Campos, apresentaram no Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, os esforços para a implementação do Piscinão Jaboticabal, na divisa entre São Paulo, São Caetano do Sul e São Bernardo do Campo, com capacidade para armazenar 900 mil m³ de águas pluviais.

O detalhamento do projeto foi apresentado aos prefeitos de Ribeirão Pires, Adler Teixeira-Kiko; de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão; de Diadema, Lauro Michels; os vices-prefeitos de Santo André e São Bernardo do Campo, Luiz Zacarias e Marcelo lima, respectivamente; e o chefe de gabinete da prefeitura de São Caetano do Sul, Bruno Vassari.

A obra do piscinão é prioritária, e as condições contratuais já foram negociadas pela Secretaria da Fazenda junto à Caixa Econômica Federal, que aprovou o crédito da obra e desapropriação. A formalização do contrato de empréstimo ocorrerá após a ALESP aprovar o projeto de Lei nº 836/2019 e a Secretaria do Tesouro Nacional aprovar as condições do financiamento. As ações de desapropriação e obras serão iniciadas assim que o contrato de financiamento for assinado e o processo licitatório e contratação da obra foram concluídos.

Os valores de investimentos previstos são R$ 300 milhões da Caixa Econômica Federal; 15 milhões GESP. Totalizando R$ 315 milhões, sendo R$ 125 milhões para desapropriações.