Notícias

Notícias


Desassoreamento do Tietê mantém cronograma

Trabalho abrange extensão de 66 km do rio e também seus principais afluentes

Os serviços de desassoreamento do rio Tietê nos últimos 4 anos já alcançaram a marca de 5.185.222 m3 de sedimentos retirados.Para chegar a esses números,três frentes de trabalho são mantidas em pontos diferentes do rio, desde 2011.

 

Última atualização (Seg, 19 de Maio de 2014 16:19)

Leia mais...

 

DAEE contrata a construção de sete sistemas de tratamento de esgotos

As obras fazem parte do Programa Água Limpa

O Governo do Estado assinou na nesta terça-feira – 13/maio – os contratos para a construção de sistemas de tratamento de esgotos nas cidades de Águas de Lindóia, Cafelândia, Caiuá, Ipeúna, Jardinópolis, Mendonça e Santa Rita do Passo Quatro.

Alceu Segamarchi Jr., Superintendente do DAEE, destaca que “o conjunto representa um investimento de R$ 33,7 milhões e vai permitir a remoção de aproximadamente 200 toneladas/mês de carga orgânica lançada “in natura” nos cursos d’água vizinhos. Os complexos deverão entrar em operação dentro de 16 meses, beneficiando mais de 125 mil habitantes”.

As obras serão realizadas pelo DAEE e fazem parte do programa “Água Limpa” que beneficia municípios com até 50 mil habitantes não atendidos pela Sabesp.

DETALHES

ÁGUAS DE LINDÓIA
• Obra - Estação de Tratamento Compacta tipo UASB, que opera com reatores mistos (processo anaeróbio seguido de lodo ativado por aeração prolongada) e biofiltro anaeróbio submerso.
• Investimento – R$ 4,3 milhões
• População beneficiada – 34 mil habitantes (população prevista 2030)
• Curso d’água beneficiado - Rio do Peixe

CAFELÂNDIA
• Obra - Estação de Tratamento com um conjunto de lagoas de estabilização com duas lagoas anaeróbias e duas facultativas; estação elevatória de esgoto; 1,3 mil metros de emissários de esgoto bruto; 1,4 mil metros de linha de recalque e 80 metros de emissário de efluente tratado.
• Investimento – R$ 4,3 milhões
• População beneficiada – 27 mil habitantes (população prevista 2030)
• Curso d’água beneficiado - córrego Saltinho

CAIUÁ
• Obra – complementação de ETE existente - construção de lagoas de estabilização facultativa e maturação em complemento às existentes; estação elevatória de esgoto, 1.400 metros de linha de recalque, e 250 metros de emissário de efluente tratado.
• Investimento – R$ 3,6 milhões
• População beneficiada – 2,4 mil habitantes (população prevista 2030)
• Curso d’água beneficiado - ribeirão Caiuazinho

IPEÚNA
• Obra – ampliação do sistema existente - 800 metros de interceptores, 84 metros de recalque, 260 metros de emissários e uma estação elevatória
• Investimento – R$ 3,7 milhões
• População beneficiada – 6,6 mil habitantes (população prevista 2030)
• Curso d’água beneficiado - córrego das Lavadeiras

JARDINÓPOLIS
• Obra – Estação de Tratamento com um conjunto de lagoas aeróbia e anaeróbia; 2 mil metros de coletores de esgoto
• Investimento – R$ 7,6 milhões
• População beneficiada – 45,2 mil habitantes (população prevista 2030)
• Curso d’água beneficiado - córrego do Matadouro

MENDONÇA
• Obra – Estação de Tratamento com um conjunto de lagoas de estabilização; 5,1 mil metros de emissário de esgoto bruto e 430 metros de emissário de esgoto tratado
• Investimento – R$ 5,8 milhões
• População beneficiada – 4,7 mil habitantes (população prevista 2030)
• Curso d’água beneficiado - ribeirão dos Bagres

SANTA RITA DO PASSA QUATRO
• Obra – Estação de Tratamento com um conjunto de lagoas aerada e de decantação; estação elevatória; 1.060 metros de coletor tronco; 240 metros de linha de recalque e 160 metros de emissário de esgoto tratado
• Investimento – R$ 4,4 milhões
• População beneficiada – 27,6 mil habitantes (população prevista 2030)
• Curso d’água beneficiado - córrego Capituva

Última atualização (Qua, 14 de Maio de 2014 11:33)

 

Alckmin autoriza construção de dois piscinões em Franco da Rocha

Obras contam com investimento de R$ 20,3 milhões

O Governador Geraldo Alckmin assinou dia 10 de maio em Franco da Rocha a autorização para o DAEE contratar a construção de mais dois piscinões naquela cidade. O evento contou com a participação do Secretário Estadual de Saneamento e Recursos Hídricos, Mauro Arce, e do Superintendente do DAEE, Alceu Segamarchi Jr., do Prefeito Kiko Celeguim, além de vários Deputados Estaduais e Federais, Prefeitos da região e outras autoridades do Governo do Estado.

O Governo do Estado vai investir R$ 20,3 milhões no conjunto que deverá estar concluído em 18 meses. Os piscinões, – um no Ribeirão Euzébio e outro no Ribeirão Água Vermelha - permitirão acumular 293,1 milhões de litros de água das chuvas, contribuindo para reduzir o risco de enchentes na zona urbana da cidade, especialmente na região central.

 


OUTRAS OBRAS
A construção destes piscinões faz parte de um conjunto de obras que o DAEE vem realizando em Franco da Rocha com o objetivo de controlar as enchentes do Ribeirão Euzébio e do Rio Juqueri, que atingiram de maneira bastante grave a região central da cidade em 2009 e 2010, inundando inclusive a Prefeitura Municipal.

O conjunto representa um investimento de R$ 45,9 milhões e inclui:

POLDER RIO JUQUERI – MARGEM DIREITA
• Dique em terra, com 980 metros de extensão, da linha férrea da CPTM à avenida Cestini, sendo 50% em terra e 50% em concreto.
• Altura: varia de 0,80 metros a 2 metros

TANQUE R3
• Tanque de reservação, capacidade de 5 mil metros cúbicos
• Liberado em 03/01/14 utilização da área pela FDE / executando parede diafragma

DESASSOREAMENTO RIO JUQUERI
• Extensão: 980 metros, da linha férrea da CPTM à avenida Cestini
• Volume: 25,2 mil metros cúbicos

POLDER RIBEIRÃO EUZÉBIO – MARGEM DIREITA
• Dique em concreto, com 1.600 metros de extensão, da foz do ribeirão Água Vermelha (altura da rua Benedito F.Marques) até Rua Professor Carvalho Pinto.
• Altura: varia de 0,50 metro (foz do ribeirão Água Vermelha) a 2 metros (próximo ao viaduto Donald Savazzoni)

TANQUE R1

• Tanque de reservação, capacidade de 5 mil metros cúbicos
• Escavação realizada e executando galeria pluvial 5 x 2,5 para viabilizar a continuidade da obra.

POLDER RIBEIRÃO EUZÉBIO – MARGEM ESQUERDA
• Dique em concreto, com 700 metros de extensão, da rua Charles Dickens até avenida dos Coqueiros.
• Altura: varia de 0,50 a 2 metros

DESASSOREAMENTO RIBEIRÃO EUZÉBIO
• Extensão: 1.600 metros, da foz do ribeirão Água Vermelha (altura da rua Benedito F.Marques) até Rua Professor Carvalho Pinto
• Volume: 36,4 mil metros cúbicos

Última atualização (Seg, 12 de Maio de 2014 12:03)

 

Churrasco com a família é no PET

Os três núcleos que compõem o parque do DAEE dispõem de espaços apropriados para que os usuários realizem uma das refeições mais populares no Brasil

Última atualização (Qua, 07 de Maio de 2014 15:01)

Leia mais...

 

DAEE contrata projetos para dois reservatórios na Bacia do PCJ

O Governador Geraldo Alckmin assinou dia 2 de maio a autorização para o DAEE contratar o desenvolvimento dos projetos executivos e EIA-RIMA (Estudo de Impacto Ambiental/Relatório de Impacto Ambiental) para dois novos reservatórios na Bacia dos rios Piracicaba, Jundiaí e Capivari (Bacia do PCJ): Pedreira, no rio Jaguari, e Duas Pontes, no rio Camanducaia, em Amparo.

Última atualização (Seg, 05 de Maio de 2014 11:12)

Leia mais...

 
Mais Artigos...