DAEE > notícias

Governo de SP inicia obras da ETE Pradópolis 

  • 04/10/2021
O Vice-Governador Rodrigo Garcia e o Secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, visitaram nesta sexta-feira, (01/10) as obras de construção da Estação de Tratamento de Esgotos de Pradópolis. As obras estão sendo realizadas pelo DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) e a Prefeitura Municipal de Pradópolis, que estão investindo R$ 12,6 milhões na construção da ETE (DAEE – R$ 6,5 milhões; Pref.Pradópolis – R$ 6,1 milhões). Por meio da Secretaria de Desenvolvimento Regional, Garcia ainda liberou R$1,6 milhão para obras de iluminação, infraestrutura e pavimentação do Distrito Industrial de Pradópolis.
Na ocasião, Penido destacou que “este investimento vai contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos mais de 22 mil habitantes do município de Pradópolis. Os compromissos que temos em relação ao saneamento são a universalização dos serviços, para poder garantir o abastecimento de água e adequar a prestação de serviços com relação ao esgoto. Entendemos que a questão do saneamento deve ser colocada no mesmo nível que saúde e educação, porque, afinal, o saneamento é fundamental”.

100% DE ESGOTO TRATADO

A obra da ETE Pradópolis conta também com a participação, por meio de Parceria Público-Privada, da Usina São Martinho, que utiliza água do Córrego Triste para produção de açúcar. O tratamento de esgotos do município vai evitar acidentes ambientais na produção. Além de participar do investimento, a usina doou a área de cinco alqueires para a construção da ETE.

Localizada próximo ao Distrito Industrial, a estação tem capacidade para tratar 100% dos esgotos domésticos, beneficiando uma população de 22,3 mil habitantes (população projetada para 2030). As obras deverão estar concluídas em dezembro de 2022.

A construção da ETE inclui um conjunto de lagoas que fazem o tratamento com bactérias aeróbias e anaeróbias; uma estação elevatória, 2,4 mil metros de linha de recalque, 1,3 mil metros de dutos por gravidade, sistema de desinfecção por cloração e 5,6 mil metros de emissário. Este processo de tratamento apresenta baixo custo de implantação, grande simplicidade operacional, baixa produção de lodos e uma eficiência compatível com a legislação ambiental.

A estação permite a revitalização do Rio Mogi-Guaçu e Ribeirão da Onça, afluente do rio Tietê, com a remoção de aproximadamente 42 toneladas/mês de carga orgânica proveniente do esgoto doméstico lançado “in natura” nesses cursos d’água. A ETE tem também um importante papel como agente de prevenção na saúde, reduzindo o risco de disseminação de doenças hídricas.

UNIDADES

São Paulo
Taubaté
Piracicaba
Marília
São José do Rio Preto
Ribeirão Preto
Birigui
Registro

CONTATO

☏  11  3293-8201
Rua Boa Vista, 170 – Sé 
São Paulo/SP – CEP 01014-000
Telefone: (11)3293-8463
Horario de Funcionamento: 2ª a 6ª feira, das 9h às 17h, exceto feriados
Email: ouvidoriadaee@sp.gov.br
Telefone: (11)3293-8382
Horário de Funcionamento: 2ª a 6ª feira, das 9h às 17h, exceto feriados

Site: www.sic.sp.gov.br

DAEE 2021  |  AssessoriadeComunicação