ETE de São Pedro do Turvo está em fase de finalização



A estação garantirá a remoção de 3 toneladas/mês de carga orgânica proveniente do esgoto doméstico da cidade


O DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) já executou 94% das obras de construção da Estação de Tratamento de Esgoto do Distrito de Água Suja, no município de São Pedro do Turvo. A Estação terá capacidade para tratar 100% dos esgotos sanitários produzidos pela população de cerca de 500 habitantes do bairro.

O Governo do Estado está investindo R$ 617,9 mil nas obras, que fazem parte do programa Água Limpa. A ETE funcionará pelo sistema de fossa séptica seguida de biodisco (que absorvem a matéria orgânica já dissolvida e flocula os resíduos suspensos), com 247,4 metros de interceptor, clorador e 31,5 metros de emissário de efluente tratado.

Em operação a ETE permitirá a remoção de 3 toneladas/mês de carga orgânica proveniente do esgoto doméstico que atualmente é lançado “in natura” no Córrego Água Suja, auxiliando assim, na revitalização da Bacia Hidrográfica do Médio Paranapanema.

O PROGRAMA ÁGUA LIMPA

O Programa Água Limpa foi criado em 2005, através de uma ação conjunta da Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos, Departamento de Águas e Energia Elétrica e Secretaria da Saúde, com objetivo de implantar sistemas de tratamento de esgotos, preferencialmente por lagoas de estabilização.